Vida de mãe: Não é o momento mais maravilhoso da sua vida (e tudo bem se não for!)



Na época do meu pós-parto, aquela fase mais crítica, eu fiz questão de escrever aqui meu relato real e sincero sobre minha experiência com o assunto. Desde então, sempre me vejo de certa forma perplexa quando vejo como este assunto é um certo tabu entre as mulheres.

Não sei ao certo se é vergonha, medo ou o fato de que esquecemos sim como foi, mas sinto que poderíamos colaborar muito mais com outras mulheres que estão passando por este delicado período, se falássemos mais sobre o tema sem medo de perder a pose de mãe-maravilhosa-amor-que-não-se-mede-desde-sempre-é-muito-fácil-você-que-tá-fazendo-isso-errado! Tô errada? Por mais que venhamos as esquecer, colocar-se no lugar da outra demonstra uma empatia que é crucial para quem está passando por tanta novidade....... (e poucas horas de sono). 

Em algum momento do seu pós-parto eu tenho certeza que você se sentiu um pouco perdida, ou muito perdida. E por que raios é tão ruim assim admitir isso? Por que não encontramos, pelo menos não assim tão facilmente, empatia! Se já é difícil em um ambiente aonde você se sente segura para fazê-lo, imagina aí na internet aonde todos tem uma vida linda e perfeita e todas as mães são sempre maravilhosas e tem tudo sob controle (pelo menos nas fotos do Instagram!)? Vamos desmistificar o assunto!!!! Vamos colaborar com a nossa experiência real e ajudar de alguma forma outras mulheres que podem ou não ter por perto quem as acolha e quem as faça sentir compreendidas. Se você deseja participar pode comentar quais foram as suas maiores dificuldades e como as superou. Pode ser um parto não tão conforme o planejado, uma UTIN, uma enfermidade sua ou do bebê, amamentação, sono, fome, emocional... Em alguma coisa você precisou desabrochar! 

Uma das coisas mais maravilhosas da maternidade é o fato de que, depois de passar por uma fase difícil, a gente se sente mais capaz, mais segura, mais forte e o pós-parto é o intensivão que te prepara para as demais fases, é o que te faz pensar "se eu aguentei isso, aguento qualquer coisa!!!". 

O vídeo hoje tem esta proposta! Vamos falar sobre o assunto?! 

(AHHHH, e ainda inclui GRATUITAMENTE aula prática - imperdível)








Espero que gostem! Até breve!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parto Domiciliar do Mathias | A trajetória

Bon Appétit: Wrap de Alcatra e Cheddar

Inspirando...babies!