VIDA DE MÃE | Vídeo: 05 Acertos e 05 Erros!




Eu avisei que vocês teriam que me aguentar, né?

Nestas últimas semanas, um filme sobre esse último ano passou pela minha cabeça e eu não paro de pensar como tudo mudou desde Maio de 2014! Estrear no mundo materno é uma experiência única e pensando nisto, gravei esse vídeo, contando pra vocês quais foram os meu 05 acertos e 05 erros nessa jornada de recém-mãe.

Logicamente que existem outro muitos erros e outros acertos, mas em uma tarde de reflexões, foram estes os que me ocorreram de primeira!

E VOCÊS? QUAIS FORAM OS SEUS ERROS E ACERTOS?! :)

Espero que gostem! Podem curtir e compartilhar que é gratuito, tá?


Comentários

  1. Matar azamigas o queeeee????Eu AVISEI dos babyblues!!!Voce quem nao me ouviu!!! Rsrsrs
    Os meus foram: erros: 1- NAO me informar sobre amamentacao e o que fazer quando o leite nao veio. Me sucumbi à pressao da minha medica e do pediatra e corri para a mamadeira "complementar" que em 2 dias fez meu filho recusar o peito de vez; 2- tb nao respeitei meu resguardo e estava na faxina dez dias pós o parto; 3-Fui muito possessiva quanto ao Arthur em relacao ao maridao, achava que ele nao saberia fazer nada! 4-Nao ter focado na comunicação no casamento pré-baby! Nosso relacionamento mudou muito graças a nossa inabilidade de nos manter unidos! 5-Muita nóia na gravidez! Nao comi nada que nao podia, nao fiz nada que nao deveria, e morria de preocupação com o desenvolvimento fisico e cognitivo do pequeno....achava que qualquer defeito seria minha culpa! E os acertos....1- ter me preparado psicologicamente para a necessidade de uma cesaria e nao ter surtado ao receber a noticia de que seria uma cesárea de urgencia 2-Ter confiado no Senhor para prover tudo. Realmente nao compramos quase nada, e nao faltou NADA!!! 3-Ter me virado nos 30 quando o Andre voltou a trabalhar. Bati o pé e nao deixei minha mae vir oara casa, e assim aprendi a me entender como mãe sozinha 4-ter comemorado todos os mesversarios que eu pude! Nao era para ele, era para mim! Precisava de uma razao para celebrar cada mês de sobrevivencia! 5- Ter ficado 9 meses em casa. Nao estava preparada a ficar menos, e nem achei que estava pronta para voltar ao trabalho, mas quando a necessidade apareceu, eu percebi o quanto meu relacionamento com o Arthur, Andre e até com Deus melhorou muito!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Caro leitor,

Obrigada por tirar um tempo para comentar aqui. Ficarei muito feliz em ler seu comentário e responderei assim que possível. Um beijo!

Postagens mais visitadas deste blog

Parto Domiciliar do Mathias | A trajetória

Bon Appétit: Wrap de Alcatra e Cheddar

Inspirando...babies!